Home » boatos » Juiz decreta prisão de artista que interagiu nu com criança no MAM?

Juiz decreta prisão de artista que interagiu nu com criança no MAM?

Boato –  A justiça de São Paulo decidiu neste domingo (1/10/2017) pela prisão de Wagner Shwartz acusado de ter cometido abuso sexual e (Estupro de Vulnerável -Art. 217-A) dentro do MAM na cidade de São Paulo.. O pedido de prisão teria sido apresentado pelo pastor e Deputado Marco Feliciano.

A noticia tem sido espalhada na rede através do compartilhamento da matéria criada pelo site GshowPlay.

Publicidade:

De acordo com o boato, “o juiz Edgard Marzola Colombini entendeu que houve estupro na ação do acusado ao incentivar que crianças lhe tocasse pelado. Alem do ator a justiça teria indiciado também, a mãe da criança que invetivou a tocar o “coreógrafo” e mais 6 pessoas que organizaram o evento. Todos foram indiciados por  violência sexual e (Estupro de Vulnerável  -Art. 217-A) ” (sic) .

Será verdade que foi decretada a prisão do artista que interagiu nu com criança no MAM?

Verificação dos fatos – Marcos Feliciano, no dia 29/09/2017, postou no seu Facebook a sua indignação contra a exposição da criança ao corpo nu do artista no MAM. No vídeo depoimento de Marco Feliciano ele informa que irá solicitar ao Ministério Público Estadual a instauração de um inquérito civil para apurar as responsabilidades.

Marco Feliciano é autor do Projeto de Lei 8615/2017, que obrigaria “as exibições e apresentações ao vivo a indicarem classificação indicativa adequada para crianças e adolescentes e proíbe a profanação de símbolos sagrados”. Sua proposta ainda não tem data para ser votada, mas caso seja aprovada, modificará o artigo 74 da Lei nº 8.069, de 1990, mais conhecida como Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Nenhuma das redes sociais de Marcos Feliciano existe menção a prisão do coreografo.

Antes mesmo de Marco Feliciano dizer que iria cobrar providências, o próprio Ministério Público de São Paulo já tinha revelado que abriu investigação para apurar se houve crime ou violações ao ECA por parte do MAM, do artista ou da mãe da menina. Fonte – Folha de SP

Até o momento não foi divulgado o resultado da investigação e nem ocorreram pedidos de prisão.

O prefeito de São Paulo condenou a presença de crianças na exposição do MAM  “Compreendo que a arte é uma manifestação muito aberta, muito ampla, mas tudo tem limite. No caso aqui de São Paulo, por exemplo, a exposição realizada no MAM não pode, em nome dessa liberdade, que uma cena libidinosa, que estimula uma relação artifical condenada e absolutamente imprópria, seja colocada para o público. Fere, inclusive, o Estatuto da Criança e do Adolescente e, ao ferir, ele está cometendo uma impropriedade, uma ilegalidade, e deve ser imediatamente retirado, além de condenado”, disse o prefeito de São Paulo, João Dória. Fonte Uai

A performance “La Bête” e a interação de crianças com o corpo nu de um adulto, tem sido o assunto mais comentado e divulgado tanto em redes sociais quanto na mídia em geral. Todos os grandes canais de imprensa estão publicando artigos e emitindo opiniões sobre o caso. E ainda assim, somente um site, o GshowPlay que é hospedado de forma gratuita no Blogger/Blogsopot, postou a notícia da prisão do coreógrafo Wagner Shwartz.

O site GshowPlay, também conhecido como GNews, é um site que cria conteúdos falsos misturados com notícias verdadeiras copiadas de outros sites.

Concluindo: Apesar do deputado Marco Feliciano ter dito que iria solicitar ao Ministério Publico Estadual de São Paulo a instauração de um inquérito para apurar responsabilidades e possíveis crimes cometidos na performance “La Bête”, e do MP já ter começado as apurações (antes do Marco Feliciano solicitar), nenhuma prisão foi decretada.

 

Comentários Facebook

comments

About Descharth

Avatar for Descharth
André L. Scharth, também conhecido como Descharth, ou Des, é Laboratorista Fotográfico, uma profissão em extinção devido a tecnologia fotográfica atual. Por isso, para poder continuar tomando cervejas virou blogueiro, mas ainda pede fiado no bar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *